A Associação de Bares e Restaurantes (Abrasel/RS), a Procuradoria Especial da Mulher da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul e a Associação Brasileira de Empresas de Eventos, abraçam na segunda-feira (29), uma importante causa: O combate ao assédio sexual, preconceito e o machismo em Porto Alegre.

A ação faz parte da campanha “Cidade Amiga das Mulheres”, que foi lançada na segunda-feira (29), no Memorial do Legislativo, Rua Duque de Caxias, 1029. O objetivo da Campanha é sensibilizar bares, restaurantes, lanchonetes e empreendimentos similares a formar uma rede de proteção e de acolhimento contra o machismo, assédio e preconceito nos espaços de lazer e de alimentação em Porto Alegre.

De acordo com a diretora executiva da Abrasel/RS, Thais Kapp, a ideia é tornar Porto Alegre a primeira cidade do mundo com Certificação “Cidade Amiga das Mulheres e livre do machismo”. Segundo ela, os estabelecimentos que aderirem à campanha ganharão um selo que demonstrará a qualificação dos colaboradores(as), tornando o estabelecimento um ambiente habilitado e livre do machismo. Além disso, diversas ações de sensibilização do público serão feitas para a conscientização da importância da campanha.

APOIO ÀS LEIS MUNICIPAIS

A campanha “Cidade Amiga das Mulheres, é uma iniciativa que auxilia também o cumprimento de Leis municipais que já preveem penalizações como multa e até cassação de alvará de locais que discriminarem usuários por questões raciais, de gênero, orientação sexual, étnica ou religiosa, de filosofia ou convicção política, deficiência física, mental e dentre outros.